Lançamento

VOLVO XC90 T8 HÍBRIDO

Divulgação
Volvo XC90 T8 Híbrido
Volvo XC90 T8 Híbrido

Carros híbridos são reconhecidos pela economia de combustível e pelos baixos índices de emissão de poluentes. Mas no caso do XC90 T8, a sueca Volvo conseguiu agregar ganhos de desempenho logo em sua primeira incursão no emergente mercado de veículos plug-in. Com isso, o carro mais "verde" da marca é também o mais potente da história da Volvo Cars.

Segurança, conforto e capacidade off-road também foram incrementados no modelo, que acaba de chegar ao Brasil em duas versões de acabamento, com preços de R$ 456.950 (Inscription) e R$ 519.950 (Excellence).

O novo XC90 T8 Híbrido desenvolve 407 cv na soma do motor 2.0 a gasolina (o conhecido Drive-E Turbo Supercharger, de 320 cv) com o propulsor elétrico de 87 cv, que age diretamente no eixo traseiro. Com 64 kgfm de torque, o SUV de luxo se comporta como um esportivo, com aceleração de 0 a 100 km/h em 5,6 segundos - e estamos falando aqui de um modelo de 2.319 kg.

Volvo XC90 T8

Sofisticação a serviço da comodidade

Por ser o topo da linha Volvo, o XC90 T8 incorpora detalhes exclusivos da escola escandinava de design, como a manopla do câmbio feita de cristal sueco Orrefors, que controla todas as funções do câmbio automático de oito marchas.

O painel de instrumentos digital traz novas funções, como indicação do modo de condução, nível de regeneração de energia, quantidade de carga da bateria e horário em que ela estará 100% carregada. A tela central de 9 polegadas sensível ao toque exibe em gráficos o funcionamento do sistema híbrido.

Na versão Inscription, o XC90 T8 oferece Head Up Display, que projeta na altura do para-brisa as principais informações do painel. Teto solar panorâmico, assistente de estacionamento (manobra o carro automaticamente em vagas perpendiculares e paralelas) e faróis com iluminação 100% em LED são itens de série.

O sistema de áudio premium Bowers & Wilkins conta com 19 alto-falantes que geram 1.400 watts. Essa configuração traz ainda sistema de suspensão por bolsas de ar, que permite ajustar a altura de rodagem de acordo com o piso. E também estacionamento com câmera 360º, que projeta na tela central uma visão aérea completa ao redor do veículo.

Já a versão Excellence inclui o que há de melhor em termos de design escandinavo. O interior foi projetado para proporcionar uma atmosfera de tranquilidade e conforto. Os assentos individuais são revestidos de couro e com funções de ventilação, aquecimento e massagem. O console traseiro inclui duas taças para champanhe de cristal Orrefors, além de um compartimento refrigerado entre os assentos.

Divulgação
Volvo XC90 T8 Híbrido

Condução segura em todas as situações

A introdução do propulsor elétrico e da bateria não afetaram em nada a reconhecida segurança do modelo. Afinal, a Volvo se mantém firme no compromisso de zerar o número de mortes e ferimentos graves a bordo de seus carros novos até 2020.

Disposta na parte inferior central do chassi, a bateria não ocupa espaço interno e garante boa distribuição de peso entre os dois eixos, o que se traduz no bom controle dinâmico do modelo. Falando em dinâmica, o XC90 T8 conta com seis modos de condução, para as mais variadas condições de rodagem.

O modo PURE, 100% elétrico, é ideal para uso urbano ou em situações que exigem silêncio absoluto, como ao sair cedo de casa ou ao chegar tarde sem querer incomodar a família e a vizinhança. Não há ruído de motor, nem consumo de gasolina, muito menos emissão de poluentes. Com a bateria totalmente carregada, ele pode rodar até 35 km nessa condição. Um cabo de 4,5 metros permite a carga total em duas horas e meia, em tomadas de 220V e 16A.

No modo HYBRID, o mais frequente, os dois motores trabalham em harmonia. O elétrico, em condições mais suaves, a combustão, quando há maior demanda por desempenho. Nessa situação, o consumo chega a 15,3 km/l na cidade e a 15,8 km/l na estrada.

Se o motorista quiser uma condução mais esportiva, deve optar pelo modo POWER, que utiliza apenas o motor a gasolina. Há ainda os modos específicos para o caráter "aventureiro" do SUV, como o AWD, para tração integral sob demanda, ou o OFF-ROAD, que usa o controle de descida em declives (HDC) e eleva a suspensão em 4 cm. Finalmente, o modo INDIVIDUAL permite que o condutor personalize uma série de parâmetros, como assistência da direção, configuração do painel e suspensão.

Tecnologia que salva vidas

O XC90 é o único de sua categoria no Brasil com sistema de condução semiautônoma, no qual sensores e câmeras monitoram as faixas, permitindo o comando automático de aceleração, frenagem e do movimento do volante a até 130 km/h. Quando possível, o sistema auxilia na correção da direção, até mesmo ao contornar curvas abertas em rodovias.

Outro destaque em segurança passiva é a última geração do City Safety, sistema de frenagem automática com funcionamento diurno e noturno. O recurso auxilia o motorista nos casos com risco de colisão com o veículo da frente, pedestres, ciclistas e animais de grande porte.

Todos os itens de segurança são de série, como o sistema que aplica força no volante se o carro estiver saindo da faixa ou o recurso que detecta e avisa motoristas desatentos ou cansados por meio de sinais visuais e sonoros.

O XC90 é o primeiro carro no mundo com tecnologia que aciona automaticamente os freios caso o motorista tente virar à frente de um carro que venha em sentido contrário. É uma situação comum em cruzamentos nas cidades e em estradas de mão dupla. O SUV detecta um potencial choque e freia automaticamente, evitando a colisão ou reduzindo as consequências de um impacto inevitável.

Mario Kano
Infográfico XC90 T8 Híbrido
Publicidade